Wiki My Bestiario
Advertisement

Aqui temos um lista com os principais deuses da mitologia Tupi-Guarani:

Deus dos Primordiais

  • Jasuka - A geradora e criadora do primeiro ser primordial. Seu corpo é feito de flores e suas chuvas criam vida e fertilizam a terra.
  • Nhanderuvuçu - Conhecido também como Nhande Ramõi, ou Xiru, ou Nosso Grande Avô Eterno. Usava um diadema em sua testa. Criou o mundo sobre Jasuka plantando as quatro Palmeiras. Usando o porongo criou o primeiro homem e usando o tukuapu criou a primera mulher.
  • Ñandhê Jari - Conhecida também como Nossa Grande Avó Eterna, que surgiu de dentro do diadema de Nhandê Ramã. Usando seu tukuapu feito das taquaras acalmava Nhanderuvuçu.
  • O Nosso Pai de Todos - Divindade responsável por dividir as tribos do mundo criando montanhas, florestas e lagos entre elas. Ele também pegou o fogo dos corvos servos do Urubu-rei e deu aos homens, além de criar o tabaco ritualístico e a flauta sagrados do Tupi. Seus poderes estavam relacionados com a velocidade e os raios.
  • A Nossa Mãe - Divindade responsável por recolher as almas e guia-las para os setes céus ou para a Casa da Escuridão. Mãe das divindades gêmeas Guaraci e Jaci, e foi morta pelas Onças.

Três Grandes e Tupã

  • Guaraci - Divindade do Sol; Aquela que dá vida e criadora de todos os seres vivos; Irmã gêmea de Jaci. Antes dos jesuítas Guaraci podia ser tanto do sexo masculino quanto do sexo feminino, dependo da tribo. Após os jesuítas converterem a força uma boa parte dos índios, Guaraci passou a ser uma divindade masculina e Tupã se tornou um deus principal.
  • Jaci - Divindade da lua; Rainha da noite e do amor. Antes dos jesuítas Jaci podia ser tanto do sexo masculino quanto do sexo feminino, dependo da tribo. Após os jesuítas Jaci se tornou uma divindade feminina, pois era mais simples para o sincretismo.
  • Rudá - Divindade do amor; Responsável por flechar o coração das guerreiras e leva-las ao amor.
  • Tupã - Centelha Divina encontrado no trovão e nos raios. Sua voz era ouvida em meio a tempestades. Após a conversão forçada dos índios Tupã se tornou o deus central da mitologia brasileira tomando o lugar das gêmeas Guaraci e Jaci, já que era inaceitável para os jesuítas divindades femininas comandarem o mundo.

Deuses Principais

  • Angra - Divindade feminina do fogo e da metalúrgica. Por sua vontade de queimar o mundo foi presa em um tição-aceso pelas deusas gêmeas Guaraci e Jaci e escondida pelo Urubu-Rei e os seus corvos. Quando ficava fraca comia alface.
  • Anhangá - Divindade de sexo fluído do submundo; É um metamorfo capaz de tomar a forma de vários animais da selva; Considerado o protetor dos animais; Sua forma mais usual era um cervo branco com chifres de fogo azul.
  • Anhum - Divindade masculina da música; Responsável por tocar o Taré sagrado;
  • Ceuci - Divindade feminina da lavoura e das moradias; Mãe virgem de Jurupari;
  • Jurupari - Existem duas versões para esta divindade. A primeira é "O legislador" em que ele é filho de Guaraci e leva os índios sabedoria. A segunda é um demônio dos sonhos; Filho de Ceuci.
  • Ticê - Divindade feminina do submundo;
  • Sumé - Divindade masculina da lei e da sabedoria; Responsável por ensinar a agricultura aos Tupis.
  • Xandoré - Divindade masculina do ódio; Responsável por todas as guerras.

Divindades de outras tribos

  • Akuanduba - É uma divindade masculina que tocava sua flauta para trazer ordem ao mundo, segundo os Índios Arara; Um dia, por causa da desobediência humana, eles foram lançados a água. Akuanduba se transformava em felinos para perseguir esses humanos desobedientes
  • Yebá Bëló - "A mulher que apareceu do nada" é a divindade da criação dos índios dessanas; Tinha uma iluminada morada de quartzo; Criou todo o Universo - os seres humanos surgem a partir do ipadu (folha de coca) que ela mascava.
  • Yorixiriamori - Divindade masculina dos índios Ianomâmis; Ele encantava as mulheres com seu canto e beleza, e por isso foi perseguido pelos homens; Transformou-se num pássaro e voou para longe, para fugir dos homens;

Deuses Secundários

  • Abaçai - Divindade feminina da força, que possuí os guerreiros antes das lutas, fazendo os ficarem abaiçados.
  • Abeguar - Divindade masculina do voo.
  • Açutí - Divindade feminina da escrita;
  • Amanaci - Divindade feminina da chuva;
  • Arapé - Divindade feminina da dança;
  • Biaça - Divindade da astronomia;
  • Caramuru - Divindade masculina dragão/serpente; Vive nas ondas revoltas do oceano, assim podendo ser bom (quando o mar estava calmo) ou cruel (quando o mar estava revolto).
  • Catú - Divindade regente do outono;
  • Catxuréu - Divindade masculina da morte;
  • Caupé - Divindade feminina da beleza;
  • Garandirô - Divindade masculina da noite; Se alimenta do sangue dos homens.
  • Guaipira - Divindade feminina da história;
  • Graçaí - Divindade feminina da eloquência;
  • Jururá-Açu - Foi responsável por libertar o deus infernal e por isso era a unica capaz de entrar e sair livremente do submundo; Quando Guaraci descobriu, ela foi transformada em uma tartaruga.
  • Mutin - Divindade feminina regente da primavera;
  • Nhará - Divindade feminina regente do inverno;
  • Parajás - Divindades femininas da Honra. do bem e da justiça.
  • Picê - Divindade feminina da poesia;
  • Piná - Divindade feminina da simpatia.
  • Polo - Divindade masculina dos ventos; Mensageiro de Tupã
  • Puerê - Divindade masculina regente do verão.

Deuses Menores

  • Cairé - Divindade feminina da lua cheia;
  • Catiti - Divindade feminina da lua nova;
Advertisement